Meu "DIABEversário"

Meu “diabeversário”: 26 anos convivendo com o Diabetes. Vamos comemorar, celebrar a vida? Não. Definitivamente não! Me permito chorar, porque não sou de ferro. Me permito chorar, porque parei de trabalhar depois de longas 12horas, cansada, com hiperglicemia, com fome e exausta. E minha empresa e meu chefe não tem nada a ver com isso. Vida que segue... preciso superar e fazer de conta que nada está acontecendo aqui dentro. Exausta do dia a dia, exausta no corpo, exausta na a